A rinite é uma inflamação das mucosas, ou seja das membranas que revestem o nariz internamente. Pode ser provocada por vírus ou por bactérias, embora decorra mais frequentemente pelas reações alérgicas. A rinite aguda do foro infecioso pode ser um resfriado, por exemplo. Quando o doente não melhora, em pouco mais de 6 dias, é sinal de que estamos perante uma rinite alérgica. A rinite alérgica é causada por substâncias alérgicas existentes no ar, tais como, pólen, ácaros, alguns animais, produtos químicos, cigarros ou medicamentos.

Epidemiologia da doença

Esta doença afeta mais crianças latentes e desprotegidas de alguma forma. É uma patologia que afeta a maioria da população portuguesa, no entanto a maior parte é de fácil diagnóstico e tratamento.

Sintomas da Rinite

Os sintomas mais comuns da rinite alérgica são: o escorrimento de uma secreção fluida e transparente do nariz, olhos lacrimejantes, inchados, com olheiras e com uma sensação de ardor. Pode haver uma diminuição da audição e do olfato, assim como dores de cabeça e vómitos, principalmente em caso de tosse excessiva. Estes sintomas podem não estar todos presentes, ao mesmo tempo, depende do tipo de rinite e do seu estado de evolução.

Formas de diagnóstico

O diagnóstico da rinite alérgica deve ser feito por um médico, pois a doença é facilmente confundida com outras doenças que apresentam os mesmos sintomas. É precisamente através da persistência dos sintomas que a rinite é diagnosticada.

Evolução, complicações e prognóstico da doença

A rinite aguda pode evoluir de forma desfavorável e trazer algumas complicações bacterianas como infeções respiratórias virais, permanência da febre durante alguns dias, assim como podem começar a aparecer dificuldades do foro respiratório que indicam a possibilidade de bronquite ou de pneumonia.

A rinite aguda, em crianças saudáveis, mostra um bom prognóstico, no caso de latentes ou crianças desnutridas, o prognóstico já é mais reservado e podem surgir mais complicações.

Remedio para a Rinite

O tratamento desta patologia pode ser feito com a toma de medicamentos anti-histamínicos, no entanto, numa primeira fase consiste basicamente em afastar e controlar as suas causas, com a ajuda de descongestionantes nasais. Se a rinite for passageira, é recomendável que o doente beba bastante água e lave o nariz frequentemente, de forma a conseguir mantê-lo limpo.

Se a causa da rinite forem as bactérias, o médico identifica-as e posteriormente prescreve um antibiótico, no entanto se a rinite foi causada por um vírus, o antibiótico não se mostra eficaz.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *